terça-feira, 30 novembro, 2021
Mais

    Os Planetas e os Luminares na visão Kármica e Esotérica – Parte 1

    InícioVozes do ValeOs Planetas e os Luminares na visão Kármica e Esotérica - Parte...

    Os Planetas e os Luminares na visão Kármica e Esotérica – Parte 1

    Ressaltando que os Planetas são o que há de mais importante na Astrologia, pois
    representam as energias de nossa personalidade e também a forma que nos
    expressamos diante do mundo. Por conta disso gostaria de discorrer um pouco sobre os planetas nessa perspectiva kármica. Primeiramente os chamados planetas pessoais, que são Mercúrio, Vênus, Marte além dos luminares Sol e Lua.

    A começar pelo Sol, que representa a vitalidade e a energia da vida. Representa a relação com o pai, é o masculino e na medicina o coração. No ponto de vista kármico, a posição do Sol no momento do nascimento, levando em conta as casas astrológicas, e os signos, representa a energia principal que a alma precisa desenvolver para realizar e cumprir sua trajetória em desenvolvimento. A pessoa que vive consciente pode expressar sua energia natural e realizar-se. Quem vive de maneira inconsciente quer exterioriza-la de maneira exagerada ou então sentem passivas e bloqueadas.

    A Lua representa os sentimentos, os instintos e a psique. Pela lua é possível saber sobre a mãe, sobre a mulher e também sobre o passado. Na astrologia espiritual pertence a lua os princípio do crescimento e do desenvolvimento. Como a lua não tem luz própria, reflete a luz do sol, ela nos indica os ciclos da natureza, a luz da alma e o inconsciente. Ou seja, na nossa vida ela reflete a magia da Luz Superior. Quem vive com mais consciência sente sua energia lunar como uma inspiração para se posicionar de acordo comas mudanças, os ciclos sem perder seu objetivo e foco. Quem vive inconsciente com frequência deixa se levar por um fluxo de ideias oníricas ou precisam de um grande esforço para sintonizar-se dentro do fluxo movimentado da vida.

    Mercúrio, o místico mensageiro do divino, pode ser nosso forma de interpretar estas mensagens, a nossa abertura para esses mundos além dos conceitos do intelecto, mente e comunicação. Ele transmite as qualidades do nosso signo solar. Viver com consciência pode possibilitar o uso das energias mercurianas para ter clareza espiritual tanto para si como para compartilhar e comunicar aos outros. Um olhar inconsciente de Mercúrio é tentada a deixar que a esperteza, o engano substitua a inteligência.

    Vênus que representa o feminino, a estética, a beleza, o libido feminino e a arte, também corresponde a nossa capacidade de desenvolver relacionamentos. Na astrologia kármica como necessitamos ou negamos a nossas relações com as outras pessoas. Nossas demonstrações de amor ao dar e ao receber. Uma ligação mais consciente com a energia venusiana leva a buscar relações humanas genuinamente amorosas, sem permitir que as alegrias sensuais e momentâneas desviem do caminho. Já um olhar inconsciente perde a oportunidade de encontrar os valores interiores e se
    perde na excitante aparência exterior.

    Marte representa o espirito pioneiro, a capacidade de impor a coragem para arriscar o libido masculino. Numa analise karmica, representa qual energia desempenha no âmbito da vida e como interage com outras energias planetárias dentro do mapa e como atua na relação com o mundo exterior. É a indicação da força e da forma da realização de metas das tarefas na encarnação. Uma ação consciente é usar suas ações e energias de maneira objetiva e controlada em função de sua missão e reparação kármica. Já uma ação inconsciente nos deixamos levar por impulsos momentâneos sem considerar as consequências.

    Jorge Seixas
    Jorge seixas pratica e vive a Astrologia Esotérica a mais de 25 anos, oriundo dos movimentos sociais e políticos. Vivencia a espiritualidade na linha de Mestre Irineu e Babaji. Morador do Vale do Capão há mais de 15 anos.
    - anúncio patrocinado -

    DEIXE SEU COMENTÁRIO

    Seu comentário:
    Nome

    - anúncio patrocinado -
    - anúncio -

    Mais da Coluna

    Veja Também

    VALE DO ENCANTO: Conhecimento onde a Prática se torna saber

    Adentramos então, o vale de bosques em pequenas dimensões, Capão nos eons do tempo, na era de aquário, de visão clara e conectada à inteligência universal, e portanto, cheias de Inspirações e Confiança, vibrações próprias do vale da cura.

    O novo ciclo dos Sagitarianos

    No dia 22 entrou o sol em Sagitário, que pertence ao elemento fogo. Sagitário é o terceiro signo de fogo, conhecido como o incendiário, representa o fogo que se espalha e expande, e se não for controlado pode provocar uma tragédia.
    - anúncio -
    - anúncio -

    - em destaque -