quarta-feira, 17 agosto, 2022

Sob pressão, Prefeitura de Palmeiras reativa sanitários e recupera estrada do Capão

ConteúdoNotíciasSob pressão, Prefeitura de Palmeiras reativa sanitários e recupera estrada do Capão

Sob pressão, Prefeitura de Palmeiras reativa sanitários e recupera estrada do Capão

A Prefeitura de Palmeiras nomeou uma funcionária que ficará encarregada pela limpeza dos sanitários do Vale do Capão, fechados há mais de três anos. A nomeação foi publicada no Diário Oficial do Município desta quarta-feira, 19, e a previsão é que ela comece a trabalhar na quinta, dia 20, dia de São Sebastião, padroeiro do Capão, tanto nos sanitários da Vila quanto no dos Campos, na entrada da Cachoeira da Fumaça.

A medida foi tomada dois dias depois da publicação de uma reportagem do Portal Vale do Capão em que comerciantes se queixavam de não poder reabrir os sanitários da Vila, mesmo depois de passados seis meses da conclusão de uma obra que consumiu aproximadamente R$ 60 mil reais em doações da própria comunidade.

Feirantes que residem em Palmeiras e que semanalmente comercializam seus produtos no Capão também se sentiam prejudicados. “A Prefeitura decidiu cobrar dos camelôs o uso do solo e não deu nem providência de regularizar primeiro o banheiro. Isso pra mim é um absurdo”, criticou Eudes Oliveira, que paga uma taxa de R$ 15 mensais pelo direito de vender relógios, brinquedos e eletrônicos todo domingo no Vale. Para alguns feirantes, a mesma taxa chega a R$ 50.

Banheiro da Vila, no Vale do Capão, ficou mais de três anos fechado

Responsável pela organização do mutirão dos sanitários da Vila, o comerciante Vanderli Dreger, o Lili, deu as boas vindas à nova contratada para a limpeza. Ele foi informado da nomeação por um dos fiscais da Prefeitura de Palmeiras que atuam no Capão, mas ainda custa a acreditar. “Há mais de três meses que eles diziam que iam contratar e não contratavam. Eu só acredito quando ela começar a trabalhar, aí eu boto fé”, declarou.

Os banheiros da Vila pertencem à Associação de Pais, Educadores, Agricultores do Vale do Capão (APEACA). “Tem que ser assim: a gente conversa, pede, até uma hora em que as pessoas ouvem a gente. É demais, como é que pode a gente ter um banheiro pronto, faltando só uma pessoa pra cuidar. A Prefeitura tá muito sem-vergonha”, criticou o presidente da entidade, Jicelmon Alves de Araújo, mais conhecido como Seu Gilson.

Apesar de ser um apoiador da atual gestão municipal, o vereador Dundum reconhece que a pressão da comunidade foi decisiva. “Deu certo. Já passou do tempo. Já pedi os materiais de limpeza no mercado e a funcionária que indiquei começa a amanhã”, declarou.

Para o feirante Eudes, não há dúvida que a pressão surtiu o efeito desejado. “Prefeito só funciona com pressão, exemplo é a estrada do Capão, que ouvi dizer que não ia fazer nada antes de asfaltar, só foi Wilson tapar alguns buracos que a gestão abriu o olho e tomou providência”, opinou o feirante, em postagem feita no grupo de whatsapp Palmeiras News.

Ele se refere às fotos e vídeos publicadas na mesma rede social na última sexta-feira, 14, que exibiam o trabalho de recuperação de uma das áreas mais perigosas da estrada, que beira a um despenhadeiro. A obra foi financiada pelo comerciante Wilson Rocha, candidato derrotado nas eleições de 2020 a prefeito por Ricardo Guimarães, de quem foi vice na gestão passada. O estado crítico da Estrada já havia sido objeto de reportagens dos portais Jornal da Chapada e Metro1. Três dias depois dos afagos do trator de Wilson Rocha, a Estrada do Capão voltou a ser visitada pela retroescavadeira da Prefeitura gerida por Ricardo Guimarães, com apoio do governo do Estado.

Obras na Estrada do Capão realizadas pela Prefeitura de Palmeiras

A opinião de Eudes gerou um intenso debate no grupo sobre a real motivação da Prefeitura. Segundo o vereador Dudu Santos, a obra não saiu por pressão, mas porque a previsão inicial de reforma da estrada não pôde ser cumprida em função das chuvas. Outra participante do grupo que preferiu não se identificar, classificou a pressão da comunidade como “fake news”.

“Só não sei porque vocês aqui não reconhecem uma pressão justa e legítima. Sim, temos que pressionar nossos eleitos e pronto, ninguém tá fazendo nada de errado não. Parem com isso de achar errado exigir nossos direitos”, rebateu Eudes.

close
Portal Vale do Capão
Portal Vale do Capão
A vitrine virtual do Vale do Capão! Apoie o Portal fazendo uma doação de qualquer valor via PIX. Chave (CNPJ): 43518009000100
- anúncio patrocinado -
- anúncio patrocinado -
Morro Branco_banner
Um lugar para estar...
Morro Branco_banner
Um lugar para amar...
Morro Branco_banner
Um lugar para acreditar...

Relacionado

Villaflor Pousada

@villaflorpousada localizada a 300 metros da Vilazinha, com seus chalés e apartamentos aconchegantes, oferece hospedagem em um ambiente cercado de árvores e plantas nativas por onde passa o rio do Capão, dando ao lugar a sensação de paz que todos nós queremos e merecemos.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Seu comentário:
Nome

Atenção! Comentários ofensivos, palavras de baixo calão ou que ofendam a conduta, moral e ética profissional serão excluídos. Agradecemos a compreensão.
- anúncio patrocinado -
Bistrô na Pousada do Capão
Anuncie nas nossas redes sociais
Cozinha Criativa
Restaurante Candeia

Veja Também

- anúncio patrocinado -

No Vale do Capão

- anúncio patrocinado -
- anúncio patrocinado -

- em destaque -