sexta-feira, 22 janeiro, 2021
21 C
Caeté-Açu
- publicidade -
Serviços Arte-Educação Stefano Cortese

Stefano Cortese

Pianista, performer, ator e criador

Slider

Pianista, performer, ator e criador, ao longo dos anos desenvolveu e realizou projetos  musicais entre Europa e Brasil, conciliando a atividade de músico e compositor com a de  performer, ator. 

Graduado na Universidade de Música de Bologna, com tese em educação musical.  Formou-se também na Escola Popular de Música “i.illich” de Bologna, onde praticou aulas  coletivas, música popular do sul da Itália, música popular do Leste Europeu, composição,  improvisação, voz, percussões e piano forte. Aprimorou o estudo do instrumento piano forte  através da convivência com mestres como F. Puglisi, e ao longo de oficinas intensivas. 

Trabalhou na formação de coletivos de improvisadores sob a maestria de B. Morris e T.  Honsinger, B. Phillips. Com o projeto “a lenda do pianista no furgão” viajou ao longo de 5 anos na  Itália e na Europa, apresentando espetáculos, performances, concertos em diversos contextos. Trocou experiências com músicos e artistas de culturas diversas. 

Stefano Cortese mora no Vale do Capão há quase 10 anos, onde atua como como músico,  compositor, professor, ator e performer. Foi um dos fundadores da primeira Escola de Música e o  Bloco de Carnaval União na localidade. Nestes anos, além de compartilhar experiências musicais  com músicos locais, acolheu músicos de várias partes do mundo, trocando com eles experiências  de composição coletiva, arranjo, improvisação, gravação, focando o trabalho na valorização de  músicas autorais. Tendo ainda fundado o Grupo Instrumental do Capão (GIC) – grupo com amplo reconhecimento nacional –, onde atua também como diretor musical, até os dias atuais. 

Além de aulas e oficinas, o artista realiza um trabalho consistente de pesquisador criando  laços entre música, dança, teatro, cinema, audiovisual e cura. Sem esquecer que reside em uma  comunidade, o maravilhoso Vale do Capão – na Chapada Diamantina (BA) –, onde desenvolve  educação musical, promove autogerenciamento, cooperação social e curadoria de eventos. 

Mais recentemente, seu trabalho vem sendo apresentado em grandes festivais (como  Festival de Jazz do Capão, Festival Instrumental da Bahia e Quinta Instrumental, organizado  pela Funcaju) e também em importantes salas de teatro em Campinas, São Paulo, Salvador e  Chapada Diamantina.

Informações de Contato

steacortez@gmail.com

Slider

Alma Bistrô

Restaurante de culinária afetiva e diversificada

Acarajé DaMata

Sabor tradicional de Salvador

Pizza de Abóbora

Pizzas exclusivas feitas com massa de abóbora

Godozeiras do Vale

Culinária Regional - Preservando os saberes e sabores tradicionais do Vale do Capão

Sabor Caseiro

Comida Caseira para Delivery

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Seu comentário:
Nome

Mais lidas

Moradores do Vale do Capão manifestam repúdio a Prefeitura de Palmeiras

Moradores do Vale do Capão durante reunião aberta convocada pelo Conselho de Gestão do Capão (CGC), neste sábado (19), manifestaram repúdio a decisão da Prefeitura de Palmeiras de substituir a barreira restritiva por uma barreira sanitária, ressaltando a indiferença e desrespeito do prefeito Ricardo Guimarães (PSD) com o Vale do Capão.

Comissão de Gestão do Capão (CGC) propõe diálogo sobre reabertura do Vale do Capão

Na manhã deste sábado (15), o Rufino Rocha sediou um encontro entre os representantes dos diversos coletivos e instituições do Vale do Capão sobre a possibilidade de reabertura do turismo.

Associações e coletivos do Vale do Capão se mobilizam para diálogo junto a Prefeitura de Palmeiras por uma reabertura ao turismo com protocolos adequados

Na tentativa de implementar uma reabertura gradual, consciente e construída em conjunto à população, representantes de associações e coletivos do Vale do Capão dialogam junto a Prefeitura de Palmeiras em busca de uma retomada do turismo com protocolos de segurança adequados, conforme as necessidades e particularidades locais.