domingo, 16 janeiro, 2022
Mais

    O caminho do Dragão na astrologia uma estrada entre o passado e o futuro

    InícioVozes do ValeO caminho do Dragão na astrologia uma estrada entre o passado e...

    O caminho do Dragão na astrologia uma estrada entre o passado e o futuro

    Na astrologia existe um elemento duplo, são dois pontos importantes e sempre um em oposição ao outro. Não são Signo nem planetas, e sim pontos matemáticos. A geometria sagradas dos astros. São eles que indicam o propósito cármico da alma que encarna, e o que essa alma vivenciou no passado.

    O Nodo Norte que na astrologia Hindu é chamado de Rahu, conhecido também como Cabeça do Dragão e o Nodo Sul, que na astrologia védica é conhecido como Ketu e também chamado de Cauda do Dragão. Quando o sol e a lua estão juntos (em conjunção) e juntos de um dos Nodos, ocorre um eclipse solar, e, quando o sol e a lua estão em oposição e cada um em conjunção com um dos nodos, ocorre uma eclipse lunar.

    O Nodo Norte representa o caminho da evolução, nosso propósito, o Destino, o Dharma e também um desafio para abrir novos caminhos. Já o Nodo Sul simboliza o que já aconteceu, os nossos comportamentos instintivos, arraigados na nossa psique, como se uma tatuagem na alma. Representa aquilo que é conhecido e possivelmente nos soa como um ponto confortável.

    Ocorre que no Dia 22 de novembro quando O Sol entrar no signo de sagitário estará se alinhando com o Nodo Sul da Lua, a cauda do Dragão. O sol nos possibilita olhar para o que já aconteceu, o que já foi experimentado. Para aqueles que tem o sol, ângulos natais ou planetas regentes envolvidos com esta conjunção ao eixo nodal, sugere-se uma grande possibilidade de inicios e términos ou momentos decisivos na vida. E esses momentos podem ser bastante dramáticos. Muitas vezes simbolizam pessoas que entram na nossa vida, determinada situação ou eventos tipo “a gota d’água”, envolvendo pessoas ou situações que se modificam. Algo que envolve relacionamentos e uma ruptura.

    Também indica um tempo em que é necessário olhar para as experiências com o pai ou como pai. Como foram as atitudes e vivencias anteriores com o pai, nesta vida ou em vidas passadas. Se houver aspectos harmônicos envolvidos provavelmente o saber adquirido pode ser utilizado na direção do nodo Norte. Na evolução do caminho.

    Então esse ano para o povo de Sagitário pode ser bastante representativo.  Alguns astrólogos acreditam que o Nodo Sul se exalta em Sagitário, ou seja, está nesse momento, a partir do dia 22 de novembro fortalecido nas suas características. Também é sabido que a sua representação, sua semelhança é com o Planeta Saturno, um planeta que representa os carmas, as doenças, o medo e a restrição. Isso quer dizer que podem ser experimentadas situações que têm potencial de intensidade e de entrar em contato com situações cármicas ou desafiadoras. Provavelmente podem ser de grande contribuição para que a alma se encontre com o seu tempo de realização e de maturidade.

    Mas com certeza pode ser por experiências que são trazidas à luz pela passagem do Sol, iluminando a rota da evolução. Puxa a alma para olhar para os padrões velhos, o nodo Sul, para potencializar uma nova maneira de ser, o nodo Norte. É um grande momento para olhar para o passado pelas qualidades do signo de Sagitário. A evolução da alma, exige olhar por essas qualidade para seguir para o seu propósito.

    São tempos de esforços, tempos de apuros e finalizações. Ou, pelo menos, são oportunidades a serem exercidas pelo livre arbítrio. Quiçá a mão do destino. A Terra este planeta escola é o palco desta rota, deste caminho do Dragão. E esse caminhar é que nos levará e indicará a próxima morada.

    Jorge Seixas
    Jorge seixas pratica e vive a Astrologia Esotérica a mais de 25 anos, oriundo dos movimentos sociais e políticos. Vivencia a espiritualidade na linha de Mestre Irineu e Babaji. Morador do Vale do Capão há mais de 15 anos.
    - anúncio patrocinado -

    DEIXE SEU COMENTÁRIO

    Seu comentário:
    Nome

    - anúncio patrocinado -
    - anúncio -

    Mais da Coluna

    Um breve estudo sobre as possibilidades de 2022 no Brasil

    Nesses tempos de eleições, vírus, fome, vacina, conflitos e medos trago aqui, um estudo sobre as possiblidades de acontecimentos no Brasil a partir das perspectivas do seu mapa natal.

    Reflexões sobre a Júpiter e a obra de Castanheda

    Até o dia 21 de dezembro o Sol estará transitando pelo signo de Sagitário, o nono signo do zodíaco. Considerado um signo livre e independente tem como símbolo o arqueiro que simboliza o voar livre, a busca sem limites e rumo ao desconhecido.

    O novo ciclo dos Sagitarianos

    No dia 22 entrou o sol em Sagitário, que pertence ao elemento fogo. Sagitário é o terceiro signo de fogo, conhecido como o incendiário, representa o fogo que se espalha e expande, e se não for controlado pode provocar uma tragédia.

    Veja Também

    - anúncio -
    - anúncio -

    - em destaque -