terça-feira, 30 novembro, 2021
Mais

    A carta natal do Afeganistão, o Talibã e o riso

    InícioVozes do ValeA carta natal do Afeganistão, o Talibã e o riso

    A carta natal do Afeganistão, o Talibã e o riso

    Esta semana meu irmão e amigo Flavio Fucs fez uma matéria bonita sobre o homem que faz do riso seu oficio e foi preso e executado pelo Talibã (A última piada de Nazar). Por conta disso e de meu olhar inquieto para as coisas que estão acontecendo no mundo, me debrucei sobre o Afeganistão. País que nos últimos tempos foi invadido pela Inglaterra, depois pela antiga União Soviética, depois
    dominado pelo Talibã e pelos americanos do norte. A chamada invasão dos sovieticos, foi a justificativa para os americanos do norte incentivarem os movimentos contra o regime vigente na sequência da chamada guerra-fria. Fortaleceram e armaram o Talibã para lutar contra o governo aliado à União Soviética. E depois invadiram o país após o 11 de setembro exigindo a
    entrega de (Osama) Bin Laden.

    Mas o que quero falar aqui é apenas do mapa natal do Afeganistão. O surgimento do Afeganistão enquanto uma tribo aconteceu em 14 de agosto de 1747, estando Sol em Leão em conjunção com o nodo Sul, na sua formação enquanto nação indica uma vida púbica, sua forma de governo e de comandar esta relacionado ao passado. O chefe do passado, o poder das clãs. O Sol faz aspecto de quadratura com o Ascendente Escorpião e explica a morte, as transformações, e o dia-dia deste povo envolvido no poder misterioso, com profundos sentimentos de vingança e de autodestruição.

    Também no Ascendente se encontra o planeta Marte, que representa as armas, as guerras, a violência e as lutas. Em conjunção a Plutão, que representa o Poder, a morte, o abuso, a subversão. Justificam as experiências so poder pelas armas (Plutão e Marte). Tanto Marte quanto Plutão recebem aspecto de quadratura do Sol de Leão na casa X, casa das autoridades e do poder público, que a toda hora vai sendo atacado pelas forças estrangeiras, e com conflitos e a subversão pelas armas.

    Outro detalhe importante na casa 9, casa do estrangeiro e da religião, está Netuno que representa entre tantas coisas a extrema espiritualidade, posicionado no signo de câncer, que representa a família, a tradição das tribos e das clãs. Fortalece a ideia da extrema religiosidade de Netuno que ainda faz um aspecto desafiador para Saturno na casa XII, casa do oculto sinalizando para as autoridades, o medo, a negação interligado ao caminho da religiosidade extremada e bem como das ocupações estrangeiras, impondo não só o medo e as limitações.

    Nota-se também no mapa o planeta Júpiter do crescimento e da expansão e da espiritualidade retrogrado na casa 2 no signo de Capricórnio, negando ou dificultando os valores do pais enquanto não atingir o equilíbrio dos extremos e as forças da tradição.

    Urano que representa a abertura pro novo, as revoluções esta retrogrado na casa 3, casa do conhecimento e do pensamento indica muitas insurreições, muitas lutas pelo campo das ideias antigas até que se estabeleça uma abertura para que as ideias novas possam se integrar com um passado histórico e religioso. Enquanto isso talvez passe por muitos Talibãs e invasões estrangeiras até conseguir sua total liberdade.

    E neste momento os planetas transitando sobre o mapa explicam o que tem acontecido nestes dias. Saturno, da tradição e do medo passa no mapa natal do Afeganistão sobre Urano o planeta da liberdade, trazendo as ideias conservadoras e reacionárias, justificando os grupos como o Taliban. Outro aspecto importante é a passagem de Plutão, que representa as transformações, as mortes em oposição, ou seja desafiando o Netuno que representa a extrema religiosidade, trazendo lutas religiosas ou de pensamentos para o país.

    Muitas revoluções talvez aconteçam até que o povo encontre a liberdade, nesse belo pais recheado de monumentos arqueológicos, monumentos esses que são destruídos pelo poder religioso e armado que tem o riso como um grande inimigo.

    Jorge Seixas
    Jorge seixas pratica e vive a Astrologia Esotérica a mais de 25 anos, oriundo dos movimentos sociais e políticos. Vivencia a espiritualidade na linha de Mestre Irineu e Babaji. Morador do Vale do Capão há mais de 15 anos.
    - anúncio patrocinado -

    DEIXE SEU COMENTÁRIO

    Seu comentário:
    Nome

    - anúncio patrocinado -
    - anúncio -

    Mais da Coluna

    Veja Também

    VALE DO ENCANTO: Conhecimento onde a Prática se torna saber

    Adentramos então, o vale de bosques em pequenas dimensões, Capão nos eons do tempo, na era de aquário, de visão clara e conectada à inteligência universal, e portanto, cheias de Inspirações e Confiança, vibrações próprias do vale da cura.

    O novo ciclo dos Sagitarianos

    No dia 22 entrou o sol em Sagitário, que pertence ao elemento fogo. Sagitário é o terceiro signo de fogo, conhecido como o incendiário, representa o fogo que se espalha e expande, e se não for controlado pode provocar uma tragédia.
    - anúncio -
    - anúncio -

    - em destaque -