quarta-feira, 17 agosto, 2022

Estrelas

Estrelas

Parei um pouco o que fazia, pois o sol oblíquo da tarde chamou-me à janela.

As árvores, a luz parecia que saía delas (e saía), as folhas tremulando ao passo dos raios que abençoavam a terra úmida pelas últimas chuvas.

Sabem meus amigos? Tenho a impressão que há no mundo, digo melhor, no Universo, há um algo, um Grande Mistério, um Quê que não conheço e que é incognoscível, até porque para nós pode ser difícil conciliar a ideia de um Algo tão vasto que, como tal, se basta a si, e ainda assim tem um quê de pessoal com cada um de nós e toca a cada um dos seres existenciais como uma Fonte de onde flui tudo e a si. Uma Grandeza infinita, impessoal, uma beleza maculada de existir e de viver.

E quando o sol paira com sua luz tocando a mata de raspão, tangenciando a nossa vida, nas tardes depois das chuvas e quando a noite me presenteia com sua rajada de estrelas, olho pasmo e agradeço. Sei que sou escutado ao tempo em que sei que estou só. Sei que sou o responsável por mim e por tudo o que comigo acontece, mas de alguma forma habito a palma da mão do Inominável.

Uma amiga minha, a quem amo muito e sei que é recíproco, quando contei pra ela de onde vinham os elementos químicos que nos formam, quando disse das estrelas moribundas que explodiam espalhando carbono, hidrogênio, ferro, oxigênio etc. por todo lado ela me olhou surpresa dizendo que pensava que esse papo de que somos feitos do pó das estrelas era mera metáfora.

O legal é que a verdade pode ser uma metáfora!

Nesse instante dá-me de saber que todos nós, filhas e filhos das estrelas, todos nós, somos filhos e filhas das estrelas, como estrelas, iguais e diferentes, como estrelas destinados a brilhar (sem fantasias – pois brilhar é apenas ser, seja como for).

Beijo no coração

close
Áureo Augusto
Áureo Augusto
(Foto de Mariane Riani) AUREO AUGUSTO Caribé de Azevedo, soteropolitano, nascido em jan/1953, é médico, artista plástico e escritor. Escreve e dá cursos e palestras sobre medicina, história, filosofia, autoconhecimento, política, crônicas, contos e poemas. Reside e trabalha no Vale do Capão, Palmeiras-Ba, onde atua em clínica particular. Na Unidade de Saúde da Família local viveu a que considera sua mais bela experiência profissional, em um trabalho com atividades educativas, psicossomática, terapêuticas naturais, com foco na saúde e na felicidade. • Título de cidadão benemérito de Palmeiras concedido pela Câmara de Vereadores (Resolução n° 41 de 26/9/97). • Homenageado como Pioneiro nas Práticas Integrativas e Complementares no I Encontro Nordestino de Práticas Integrativas e Complementares em Saúde (UNIVASF, UFBa, UNEB, UFRN, UPE, UFPE, UFPB, UFCe, FA-SA), Juazeiro-Ba, 2 de junho de 2013. • Comendador da Ordem do Mérito Médico do Brasil, concedido pelo Ministério da Saúde (2017).
- anúncio patrocinado -

2 COMENTÁRIOS

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Seu comentário:
Nome

- anúncio patrocinado -
- anúncio -
Bistrô na Pousada do Capão
Anuncie nas nossas redes sociais
Cozinha Criativa
Restaurante Candeia

Mais da Coluna

Uma terrível doença

Recentemente aqui no Vale do Capão aconteceu um fato chocante: atearam fogo num ônibus escolar.  Diversos moradores me procuraram para conversar, ou, dito melhor,...

Veja Também

Simba

O cão éo melhor amigo do homem ! Simbao marujode aventuras incontáveis… Parceiro adestradoa plateia o reverenciaextasiada ! Por quem os sinos dobram !Pelo sol que nasce...

Autocuidado

Até recentemente trabalhei no postinho aqui do Vale do Capão. É uma unidade de saúde vinculada ao programa Estratégia Saúde da Família (ESF), do...
- anúncio -
- anúncio -
Morro Branco_banner
Um lugar para estar...
Morro Branco_banner
Um lugar para amar...
Morro Branco_banner
Um lugar para acreditar...

- em destaque -