quinta-feira, 30 junho, 2022

São João

São João

Oxalá nunca tenha motivo pra sair do Vale do Capão no São João.
Quando eu era menino, essa era a festa… nunca foi uma festa! Nem o Natal era igual, nem o aniversário me interessava tanto quanto esperar meu tio Enoque trazer os fogos de artifício de presente (meus pais, até onde me lembro não compravam). Era uma maravilha, botar bombas debaixo das latas e vê-las subindo e a molecada toda gritando de alegria e admiração com a altura dessa vez.

Fogueira, milho, bolo mole de aipim, amendoim; nunca gostei de canjica nem de pamonha que só conheci em criança a pamonha doce, pois a salgada conheci no Chile (umita) e tive a agradável surpresa de estando na feira de Palmeiras, encontrei a pamonha salgada que comi imediatamente.

Falando em Palmeiras, desta cidade não é só o Capão que vive feliz os festejos juninos. Todos os povoados estão presentes e, também a sede, onde a festança é famosa e a hospitalidade, que é característica da cidade, é mais forte do que em qualquer outro dia.

Aqui, sempre amei a fogueira de ramo e sempre mergulhei nela, quando o ramo caía, e pela alegria de participar, já sofri várias escoriações e entorses. Uma pena que depois que botaram luz elétrica muita gente deixou de fazer por causa do medo de atingir a fiação; hoje temos uma enorme e linda fogueira de ramo no meio da praça, uma única. Concordo, óbvio, com a decisão, mas a redução do número de fogueiras de ramo fez concentrar uma tropa de gente naquela do meio da praça. Vai daí que na última vez tinha tanta gente empilhada em cima do ramo que tive de tomar impulso pra pular em cima de todo mundo e a muito custo, como se estivesse mergulhando, consegui chegar no chão e pegar… uma laranja! Nada mau.

O que mais me admira na festa é ver tanta gente bêbada e relativamente pouco acidente e pouca briga. Muitas vezes dei plantão nesse dia e era pouco trabalho, que bom! Sempre tinha alguém queimado ou um bêbado desesperado, alguém que caía da moto e se cortava… Mas considerando-se a farra era bem razoável.

Aliás, essa coisa de moto e cachaça é de preocupar. Algumas pessoas acostumadas a encher a cara e depois montar no cavalo resolveram trocar cavalo por moto, mas a máquina não consegue se mexer bem sem um condutor com um mínimo de sobriedade. Aí esperam chegar em casa e estatelam a cara no poste, na cerca, no barranco.

Oxalá tenhamos um São João como todos. Rico, feliz, alegre, forró pra todo lado e nada de dor!

close

Olá! 👋
Não perca nosso conteúdo!

Inscreva-se para receber quinzenalmente notícias e artigos do Portal Vale do Capão no seu email.

Não enviamos spam! Leia nossa política de privacidade para mais detalhes.

Áureo Augusto
Áureo Augusto
(Foto de Mariane Riani) AUREO AUGUSTO Caribé de Azevedo, soteropolitano, nascido em jan/1953, é médico, artista plástico e escritor. Escreve e dá cursos e palestras sobre medicina, história, filosofia, autoconhecimento, política, crônicas, contos e poemas. Reside e trabalha no Vale do Capão, Palmeiras-Ba, onde atua em clínica particular. Na Unidade de Saúde da Família local viveu a que considera sua mais bela experiência profissional, em um trabalho com atividades educativas, psicossomática, terapêuticas naturais, com foco na saúde e na felicidade. • Título de cidadão benemérito de Palmeiras concedido pela Câmara de Vereadores (Resolução n° 41 de 26/9/97). • Homenageado como Pioneiro nas Práticas Integrativas e Complementares no I Encontro Nordestino de Práticas Integrativas e Complementares em Saúde (UNIVASF, UFBa, UNEB, UFRN, UPE, UFPE, UFPB, UFCe, FA-SA), Juazeiro-Ba, 2 de junho de 2013. • Comendador da Ordem do Mérito Médico do Brasil, concedido pelo Ministério da Saúde (2017).
- anúncio patrocinado -

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Seu comentário:
Nome

- anúncio patrocinado -
- anúncio -
Bistrô na Pousada do Capão
Anuncie nas nossas redes sociais
Cozinha Criativa
Restaurante Candeia

Mais da Coluna

Veja Também

- anúncio -
- anúncio -
Morro Branco_banner
Um lugar para estar...
Morro Branco_banner
Um lugar para amar...
Morro Branco_banner
Um lugar para acreditar...

- em destaque -