sábado, 16 janeiro, 2021
20.3 C
Caeté-Açu
- publicidade -
Início Comunidade Coletivo Capão

Coletivo Capão

em Ação pela Comunidade

O que é o Coletivo Capão?

Uma postagem em rede social sobre a situação do lixo no Vale gerou diversos comentários e sugestões, mobilizou moradores e acabou saindo das telinhas. Foi o ponto de partida para uma reunião presencial que deu início ao Coletivo Capão, um grupo voluntário atento com as questões ambientais e, particularmente, com a crescente produção de lixo: resíduos sólidos, recicláveis e orgânicos.

O principal foco do Coletivo é ajudar a despertar uma maior consciência do consumo, e responsabilidade em relação aos cuidados e descarte de resíduos sólidos, para isto busca promover ações criativas e adequadas à realidade local.

Um pouco do panorama que mobiliza o Coletivo Capão


Como é o descarte dos resíduos no Vale?

Atualmente no Vale do Capão existem vários jiraus onde grande parte da população deposita os resíduos que ali aguardam até a retirada pelo caminhão da coleta pública comum. É frequente ver estes jiraus abarrotados de todo tipo de lixo: recicláveis, sanitário e orgânico, tudo misturado. Situação que gera diversos transtornos, atrai animais que podem proliferar doenças, ou mesmo outros que rasgam os sacos e espalham os resíduos por todo entorno. Este material fica exposto a chuva e ao vento sendo arrastado para as ruas ou rios mais próximos. O resultado é risco à saúde da população, poluição de todo ambiente, além de um visual bastante desagradável.

Para onde é levado o lixo?

Todo resíduo recolhido é despejado no lixão de Palmeiras (sede do município), onde fica exposto ao tempo e causa mais transtornos à saúde pública e ambiental. Semanalmente são previstas três coletas públicas para o lixo do Vale. Frequentemente há falha nesta periodicidade ou o caminhão enviado não comporta o material gerado.


Há coleta seletiva na comunidade?


Atualmente, não há coleta seletiva regular. A comunidade já se mobilizou diversas vezes, ao longo das últimas décadas, propondo soluções para o lixo, mas as ações acabaram sendo temporárias.
Durante o último ano, o Coletivo Capão moveu uma ação voluntária de coleta seletiva mensal que teve grande adesão da população chegando a encaminhar cerca de 300kg/mês de resíduos para reciclagem.


Quais os desafios para a realização de coleta seletiva?


São alguns os pontos chaves para uma solução eficiente para o lixo na comunidade.
Transporte e Armazenagem – as ações comunitárias e voluntárias esbarram nestes principais pontos. Para que a coleta de recicláveis continue acontecendo de forma regular é necessário transporte adequado para o ponto de triagem mais próximo, o Grupo Ambientalista de Palmeiras; ou um espaço onde os resíduos possam ser armazenados até alcançarem um volume específico para a retirada por empresas de triagem da cidade de Seabra.

Educação – Consciência e responsabilidade no consumo e no trato com o lixo gerado por cada um. Durante as coletas voluntárias do Coletivo foi possível observar boa adesão da comunidade, e ao mesmo tempo, a necessidade de orientação mais eficiente sobre os cuidados para que os resíduos estejam aptos à reciclagem.

Apoio de órgãos públicos – viabilizando soluções duradouras para coleta semanal seletiva exclusiva e direcionamento dos resíduos à triagem e reciclagem.

Ações do Coletivo Capão em 2019/2020

O Coletivo tem atuado e proposto ações para mudar o panorama atual dos resíduos sólidos no Vale.

– Atuou e dialogou com o poder público para o cumprimento de pontos referentes à regularidade da coleta pública, disponibilização de caminhão destinado à coleta seletiva e apoio às ações comunitárias. O Coletivo levou um abaixo assinado à câmera dos vereadores e posteriormente participou de reunião com o prefeito e secretários de meio ambiente, saúde e educação.

– Apresentou palestras: “Impactos Ambientais do descarte inadequado dos Resíduos Sólidos” na Semana do Meio Ambiente, e “O Lixo e a Saúde” no Posto de Saúde. Foi convidado pela Escola Comunitária Brilho do Cristal e propôs atividade educacional para os alunos sobre “Responsabilidade e Cuidados com o nosso Lixo”.

– Promoveu campanha de conscientização para a redução do uso de descartáveis, incentivando a adesão às canecas reutilizáveis na festa do São João. Participou de discussões com comerciantes e incentivou o fim da comercialização de “long-neck” no Vale.

– Promoveu coleta pública mensal de recicláveis destinando o material para pontos de triagem na região.

– Iniciou visitas de casa em casa para coleta de dados e orientação sobre o lixo, tais como: destino ideal de resíduos orgânicos e preparo de resíduos para reciclagem. Para esta ação, promoveu encontro de mobilização e capacitação de voluntários.

– O Coletivo Capão está presente e atuante nas redes sociais com campanhas de conscientização e divulgação de ações amigas do meio ambiente.

Como contribuir com o Coletivo Capão?

Para cada coleta o Coletivo solicita uma contribuição que é utilizada nas despesas que o grupo tem com o material recebido, como o frete. A colaboração mínima é de R$ 10,00 podendo ser um valor superior, dependendo da quantidade de materiais a serem entregues pelo morador(a). Caso deseje colaborar com o Coletivo entre em contato conosco, toda ajuda é bem vinda ❤


Informações de Contato

capaocoletivo@gmail.com

Redes Sociais

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Seu comentário:
Nome

Associação Sociocultural e Ambiental Colmeia

Associação sem fins lucrativos criada com o objetivo de realizar ações e projetos nas áreas de Cultura, Educação, Meio Ambiente e Cidadania

Coletivo Capão

em Ação pela Comunidade

APEA-CA – Associação de Pais, Educadores e Agricultores de Caeté-Açú

A Associação de Pais, Educadores e Agricultores de Caeté-Açú (APEA-CA) foi criada em junho do ano de 1996 com o objetivo de unir os pais dos estudantes para melhorar o ensino na comunidade.

GAQ – Grupo de Apoio à Quarentena Vale do Capão

Doações de alimentos e roupas na quarentena

Horto Comunitário Vale Flora

Comissão de Meio Ambiente do Vale do Capão

Leia Também

Vênus e Saturno, Quem Governa o Ano?

Quando começou o ano de 2021, na minha observação diária de acontecimentos, fatos e expectativas, fiquei diante de perspectivas de momentos tensos e difíceis, alertados por várias correntes de opinião, correntes de pensamentos, filosóficas e espirituais.

Coletivo Músicos do Capão

Profissionais da música que trabalham e acreditam no desenvolvimento cultural e artístico da comunidade

Comece seu Ano com Renovação

A renovação pode ser um processo físico ou emocional, o importante é atentar-se para sua necessidade constante e, então permitir a vinda do que há de novo! Vamos praticar?

O Ano é Novo, e os seus hábitos são? Não espere a virada do ano para mudar algo que pode ser mudado hoje!

Todo fim de ano temos a tendência em fazermos em nossas mentes uma retrospectiva (se você acompanha o sistema midiático pode perceber que o mesmo reforça ainda mais as expectativas das grandes massas, porém de forma não muito construtiva, digamos em termos mais brandos…)

Moradores do Bairro dos Brancos convocam Assembleia com Vizinhos para discutir a Coleta dos Resíduos Sólidos

Em um parecer que nos foi enviado, Vanina e Mauro nos contam um pouco sobre o trajeto das ações que antecederam a realização de um abaixo assinado que solicita um Plano de Resíduos Sólidos para o município e organização emergencial da Coleta de Lixo, principalmente em tempo de pandemia.

Ainda Saturno e Júpiter

A 20 de março de 2700, ao amanhecer, O Sol não está mais alinhado à constelação de Peixes, mas também não se alinhou à constelação de Aquário. Está em transição de um ponto ao outro, mas por convenção já podemos definir isso como “Era de Aquário”

Faça parte do Portal

Dê mais visibilidade à sua iniciativa, seu projeto ou coletivo publicando no Portal. É grátis! E será uma honra tê-los conosco 🙂